.

.

Amigos meus:

Universo feminino:

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

TPM


TPM X Relacionamentos
Fonte: Clube da TPM
Data da publicação: 03/08/2010



Fadiga, dores de cabeça e nas mamas, insônia, cólicas, inchaço nos pés e nas mãos, irritabilidade, desânimo, ansiedade e depressão são apenas alguns dos sintomas da tensão pré-menstrual. O desconforto, a popular TPM, atinge milhares de mulheres sem distinção de cor, raça ou classe social. Embora menosprezado e satirizado, o problema é classificado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como síndrome, pois engloba um conjunto de pelo menos 130 manifestações clínicas.


Ainda que não sinta fisicamente as mazelas decorrentes da TPM, o universo masculino é sempre afetado pelo distúrbio. Estudos revelam que pais, irmãos, namorados, amigos e colegas de trabalho das mulheres que convivem com a tensão pré-menstrual percebem e até são capazes de identificar a situação, mas nem sempre entendem o que acontece física e psicologicamente, e quase nunca sabem como ajudar as vítimas dessa época sombria do ciclo menstrual.

Os rompantes de humor é o sintoma que mais afeta os relacionamentos. O mau humor, a depressão e o stress de algumas mulheres neste período, fazem com que seus companheiros se afastem para que não ocorram brigas. E é neste momento que muitos relacionamentos ficam balançados, pois normalmente a ausência do namorado, marido ou simplesmente “ficante” agrava ainda mais alguns dos sintomas psicológicos da TPM e faz com que as mulheres tomem decisões precipitadas, sendo a mais grave delas, o término do relacionamento.


Conversar com o companheiro sobre as alterações de humor do período menstrual é fundamental para que ele tenha tempo de se preparar para o turbilhão de emoções vindas com a TPM. É muito mais fácil enfrentar um problema quando se tem informações sobre ele. E para os homens a dica é evitar confrontar a sua companheira no período de TPM, pois isto pode dar origem a brigas desnecessárias e que tomam proporções maiores das que teriam no período feminino “normal”, ou seja, livre das alterações hormonais.
Manter um bom diálogo é fundamental para um bom relacionamento, seja ele com o sem TPM.


_____________________________
Daqui:
www.clubedatpm.com.br
Imagens do Google


Um comentário:

***MissUniversoPróprio*** disse...

É...a TPM tem me castigado. Não sei se era eu que não tinha o costume de observar os seus efeitos, ou se ela tem se agravado, mas acho que é a segunda opção.

Coitado de quem fica por perto. ;P

Beijos e obrigada pela visita!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Conheça meu blog divulgador!

Clique e...

Dia Internacional da Mulher?

Dia Internacional da Mulher?
Todos os dias!